FERIADO DE 15 DE NOVEMBRO: NÃO HA O QUE COMEMORAR

Neste fatídico  dia lá no longínquo  ano de 1889, com um golpe, o marechal  Deodoro da Fonseca proclamava  a república  brasileira e dava fim à  monarquia.

Porém não há nada do que se orgulhar e  tão pouco comemorar.

Em quase um século e  meio, a república não trouxe nada que realmente pudesse encher os brasileiros de orgulho. Incontáveis casos de corrupção, pobreza, educação pífia, saúde precária, criminalidade elevadíssima, são apenas alguns dos muitos problemas que todos nós conhecemos e sabemos que muito dificilmente  serão resolvidos.

República proclamada?

Não.


RÉ PÚBLICA.

Ora quando éramos um império, ainda que houvessem  inúmeros  problemas, ainda assim o avanço era certo e o caminho para o futuro trilhado de maneira sábia  e justa - tão como era Dom Pedro II.

Hoje, podemos dizer que o Brasil está em luto. Morremos dia a dia.

Mas que a esperança não desapareça dos corações dos brasileiros. Que a luta nunca acabe. Pois como profetizou  Eça de Queiroz, "O Brasil é  Império, será república, e tornará a ser Império novamente".




Comentários

LEIA AINDA MAIS!

PRINCESA É EXCLUÍDA DA LINHA DE SUCESSÃO AO TRONO BRITÂNICO APÓS SE CONVERTER AO CATOLICISMO

ESPADA MEDIEVAL ENCONTRADA NO REINO UNIDO PERTENCIA AOS CAVALEIROS TEMPLÁRIOS

BANDA DE METAL É BANIDA DO ORIENTE MÉDIO POR CONTA DE CANÇÃO QUE EXALTA OS CRUZADOS

CABRAL TAMBÉM FOI UM CAVALEIRO TEMPLÁRIO

AS ORDENS MILITARES MEDIEVAIS AINDA EXISTEM?

SAIBA COMO OS CRUZADOS SE REFERIAM À MAOMÉ DURANTE AS GUERRAS SANTAS

ASSISTA AGORA A UMA LUTA REAL DE BRUCE LEE

OS TEMPLÁRIOS PLANEJAVAM UMA ÚLTIMA E DERRADEIRA CRUZADA PARA RETOMAR JERUSALÉM

ENTENDA O QUE HOUVE DESDE A MORTE DE MAOMÉ ATÉ A PROCLAMAÇÃO DA PRIMEIRA CRUZADA