A SAGRAÇÃO DE UM CAVALEIRO

 A Cavalaria Medieval,  foi de suma importância  na idade média.  Tanto  por sua  bravura em defesa dos mais necessitados, quanto em levar o Nome de Deus por onde foram.

Um Cavaleiro  quando  era sagrado,  devia passar por um ritual,  para que estivesse disposto a seguir  uma  vida regrada  e de fé.


A cerimônia  de iniciação,  teria  surgido  por volta  do século  XI,  mas ganhou maiores proporções  a partir  do século  XII. Na noite anterior a da cerimônia,  banhavasse para tirar as impurezas,  ficava em jejum e em oração  durante a noite.

Já no dia da Sagração,  ganhava vestimentas  novas.  E após  velada  as armas,  entregavam - lhe a lança,  o escudo,  e a espada,  previamente  depositadas  no altar.  A espada lhe era cingida  ao lado,  enquanto  os outros  Cavaleiros colocavam suas esporas.


Depois o investidor mais velho  lhe dava um tapa no rosto ou pescoço,  onde era seguido por uma passagem bíblica.  O então  agora Cavaleiro,  também  fazia um juramento,  prometendo  defender a Igreja  e os necessitados.

Muitas vezes essas cerimônias  eram coletivas,  e também  por vezes feitas nos campos de batalha.




Comentários

LEIA AINDA MAIS!

PRINCESA É EXCLUÍDA DA LINHA DE SUCESSÃO AO TRONO BRITÂNICO APÓS SE CONVERTER AO CATOLICISMO

ESPADA MEDIEVAL ENCONTRADA NO REINO UNIDO PERTENCIA AOS CAVALEIROS TEMPLÁRIOS

CABRAL TAMBÉM FOI UM CAVALEIRO TEMPLÁRIO

SAIBA COMO OS CRUZADOS SE REFERIAM À MAOMÉ DURANTE AS GUERRAS SANTAS

ASSISTA AGORA A UMA LUTA REAL DE BRUCE LEE

FERIADO DE 15 DE NOVEMBRO: NÃO HA O QUE COMEMORAR

OS TEMPLÁRIOS PLANEJAVAM UMA ÚLTIMA E DERRADEIRA CRUZADA PARA RETOMAR JERUSALÉM

ENTENDA O QUE HOUVE DESDE A MORTE DE MAOMÉ ATÉ A PROCLAMAÇÃO DA PRIMEIRA CRUZADA

A ESTRANHA E MISTERIOSA MORTE DO REI QUE CONDENOU OS TEMPLÁRIOS À FOGUEIRA

AS ORDENS MILITARES MEDIEVAIS AINDA EXISTEM?